Um computador é uma máquina para dados manipulando de acordo com uma lista de instruções. Os computadores fazem exame de formulários físicos numerosos. Os computadores eletrônicos adiantados eram o tamanho de um quarto grande, consumindo tanto poder quanto diverso cem computadores pessoais modernos. [1] Hoje, os computadores podem ser feitos pequenos bastante para caber em um relógio de pulso e powered de uma bateria do relógio. A sociedade veio reconhecer computadores pessoais e seu equivalente portátil, o computador de laptop, porque os ícones da informação envelhecem; são o que a maioria de povos pensam como “um computador”. Entretanto, o formulário o mais comum do computador no uso é hoje por muito o computador encaixado. Os computadores encaixados são os dispositivos pequenos, simples que são usados frequentemente controlar outros dispositivo-para o exemplo, eles podem ser encontrados nas máquinas que variam do avião do lutador aos robôs industriais, às câmeras digitais, e aos brinquedos das crianças uniformes. Um computador em um relógio de pulso. A abilidade de armazenar e executar os computadores dos makes dos programas extremamente versáteis e distingue-os das calculadoras. O thesis da Igreja-Turing é uma indicação matemática desta versatilidade: Todo o computador com alguma potencialidade mínima está, no princípio, capaz de executar as mesmas tarefas que qualquer outro computador pode executar. Conseqüentemente, os computadores com a potencialidade e a complexidade que variam daquela de um assistente digital pessoal a um supercomputer podem tudo executar as mesmas tarefas computacionais contanto que a capacidade do tempo e de armazenamento não for considerações. História de computar o artigo principal: A história de computar o tear de Jacquard era um dos primeiros dispositivos programáveis. É difícil definir todo o um dispositivo como o computador o mais adiantado. A definição very de um computador mudou e é conseqüentemente impossível identificar o primeiro computador. Muitos “computadores uma vez chamados” dos dispositivos já não qualificariam como esta'n por padrões de hoje. Originalmente, o termo “computador” consultou a uma pessoa que executasse cálculos numéricos (um computador humano), frequentemente com o dae (dispositivo automático de entrada) de um dispositivo calculador mecânico. Os exemplos de dispositivos computando mecânicos adiantados incluíram o ábaco, a régua de corrediça e arguably o astrolabe e o mecanismo de Antikythera (que data de aproximadamente 150-100 BC). O fim das idades médias viu um re-invigoration da matemática e da engenharia européias, e o dispositivo 1623 de Wilhelm Schickard era o primeiro de um número de calculadoras mecânicas construídas por coordenadores europeus. Entretanto, nenhuns daqueles dispositivos couberam a definição moderna de um computador porque não poderiam ser programadas. Em 1801, o Jacquard de Joseph Marie fêz uma melhoria ao tear de textile que usou uma série de cartões de papel perfurados como um molde permitir que seu tear teça testes padrões intricados automaticamente. O tear de Jacquard resultante era uma etapa importante no desenvolvimento dos computadores porque o uso de cartões perfurados definir testes padrões tecidos pode ser visto como um adiantado, albeit ser limitado, formulário do programmability. Em 1837, Charles Babbage era o primeiro para conceptualize e projetar um computador mecânico inteiramente programável que chamasse “o motor analítico”. [2] Devido às finanças limitadas, e a uma inabilidade resistir consertar com o projeto, Babbage construiu nunca realmente seu motor analítico. O processo de dados automatizado em grande escala de cartões perfurados foi executado para o Census de E.U. em 1890 pelas máquinas tabulating projetadas por Herman Hollerith e manufaturadas pela Gravação Tabulating computando Corporaçõ, que se transformou mais tarde IBM. Para o fim do 19o século um número de tecnologias que provariam mais tarde útil no realization de computadores práticos tinham começado a aparecer: o cartão perfurado, a álgebra booleana, o tubo de vácuo (válvula thermionic) e o teleprinter. Durante a primeira metade do 20o século, muitas necessidades computando científicas foram encontradas com pelos computadores análogos cada vez mais sofisticados, que usaram um modelo mecânico ou elétrico direto do problema como uma base para a computação. Entretanto, estes não eram programáveis e não faltavam geralmente a versatilidade e a exatidão de computadores digitais modernos. Uma sucessão firmemente de uns dispositivos computando mais poderosos e mais flexíveis foi construída nos 1930s e nos 1940s, adicionando gradualmente as características chaves que são vistas em computadores modernos. O uso da eletrônica digital (inventada pela maior parte por Claude Shannon em 1937) e um programmability mais flexível eram etapas vital importantes, mas definir um ponto ao longo desta estrada como “o primeiro computador eletrônico digital” é difícil (Shannon 1940). As realizações notáveis incluem: EDSAC era um dos primeiros computadores para executar a arquitetura armazenada do programa (von Neumann). Z eletromecânico de Konrad Zuse “faz à máquina”. O Z3 (1941) era a primeira máquina trabalhando que caracteriza a aritmética binária, including a aritmética do ponto flutuando e uma medida do programmability. Em 1998 que o Z3 foi provado ser Turing terminar, conseqüentemente sendo o primeiro computador operacional do mundo. A Atanasoff-Baga Computador (1941) que usaram o tubo de vácuo baseou a computação, números binários, e a memória regenerativa do capacitor. O computador britânico secreto do Colossus (1944), que tinha limitado o programmability mas o demonst rated that a device using thousands of tubes could be reasonably reliable and electronically reprogrammable. It was used for breaking German wartime codes. The Harvard Mark I (1944), a large-scale electromechanical computer with limited programmability. The US Army's Ballistics Research Laboratory ENIAC (1946), which used decimal arithmetic and was the first general purpose electronic computer, although it initially had an inflexible architecture which essentially required rewiring to change its programming. Several developers of ENIAC, recognizing its flaws, came up with a far more flexible and elegant design, which came to be known as the stored program architecture or von Neumann architecture. This design was first formally described by John von Neumann in the paper "First Draft of a Report on the EDVAC", published in 1945. A number of projects to develop computers based on the stored program architecture commenced around this time, the first of these being completed in Great Britain. The first to be demonstrated working was the Manchester Small-Scale Experimental Machine (SSEM) or "Baby". However, the EDSAC, completed a year after SSEM, was perhaps the first practical implementation of the stored program design. Shortly thereafter, the machine originally described by von Neumann's paper—EDVAC—was completed but didn't see full-time use for an additional two years. Nearly all modern computers implement some form of the stored program architecture, making it the single trait by which the word "computer" is now defined. By this standard, many earlier devices would no longer be called computers by today's definition, but are usually referred to as such in their historical context. While the technologies used in computers have changed dramatically since the first electronic, general-purpose computers of the 1940s, most still use the von Neumann architecture. The design made the universal computer a practical reality. Microprocessors are miniaturized devices that often implement stored program CPUs. Vacuum tube-based computers were in use throughout the 1950s, but were largely replaced in the 1960s by transistor-based devices, which were smaller, faster, cheaper, used less power and were more reliable. These factors allowed computers to be produced on an unprecedented commercial scale. By the 1970s, the adoption of integrated circuit technology and the subsequent creation of microprocessors such as the Intel 4004 caused another leap in size, speed, cost and reliability. By the 1980s, computers had become sufficiently small and cheap to replace simple mechanical controls in domestic appliances such as washing machines. Around the same time, computers became widely accessible for personal use by individuals in the form of home computers and the now ubiquitous personal computer. In conjunction with the widespread growth of the Internet since the 1990s, personal computers are becoming as common as the television and the telephone and almost all modern electronic devices contain a computer of some kind.

Electronics section

Software section

Computer section

Finance section

Medical section

Tourism section

Science section

Agricultural section

Home

Arabic-العربيه  Korean- 한국어  chinese 中国  Japanese 日本語  Russian- Русско  Portuguese- português  Itatian-Itatian French-français  Spanish-español  German-deutsch  English